O que diferenciará a liderança nos próximos anos? Um pesquisa sobre comportamento humano realizada pela universidade Harvard afirma que será capacidade de desenvolver a si próprio e a sua equipe. De acordo com o estudo, a capacidade humana será a variável crítica no novo século. Os líderes que procuram vencer a guerra de aquisição de talentos pensando na capacidade como um recurso fixo a ser encontrado colocam a si e suas organizações em grande desvantagem.

Em contraste, os líderes que se perguntam “O que posso fazer para tornar meu ambiente um solo mais fértil  para o desenvolvimento de talentos?” colocam-se na melhor posição possível para alcançar o sucesso. Esses líderes entendem que para conseguirmos realizar nossas maiores aspirações – aproveitarmos novas oportunidades ou superarmos novos desafios, precisamos ter condições de explorar nossas futuras possibilidades. Esses líderes sabem o que possibilita e o que impede a realização desse objetivo.

O desafio de mudar e melhorar costuma ser equivocadamente entendido como a necessidade de “enfrentar” ou “lidar” melhor com a complexidade do mundo. Enfrentar e lidar com algo que envolve acrescentar novas habilidades ou aumentar o repertório de respostas e reações. Somos a mesma pessoa que éramos antes de aprender a lidar com a situação, apenas acrescentamos alguns novos recursos. Aprendemos, mas não necessariamente nos desenvolvemos e progredimos. Saber enfrentar e lidar com determinadas situações é uma habilidade valiosa, mas não de fato suficiente para afrontar os atuais desafios da mudança.

Na verdade, a experiência da complexidade não é apenas uma história relativa ao mundo, é também uma história relativa às pessoas, uma história sobre a combinação entre  exigências do mundo e a capacidade das pessoas ou da organização. Quando experienciamos o mundo como “complexo demais” não apenas experienciando a complexidade do mundo, estamos vivenciando um descompasso entre a complexidade do mundo e nossa própria complexidade no momento presente. Existem apenas duas maneiras lógicas de corrigir esse descompasso – reduzir a complexidade do mundo ou aumentar nossa própria complexidade. A primeira não acontecerá; a segunda, há tempos tem parecido uma impossibilidade na fase adulta. Mas felizmente parece, mas não é !

O  desenvolvimento da complexidade interna pode ser maximizado por abordagens que proporcionem recursos para vencer a inércia e a imunidade à mudança. Através do processo de coaching executivo o indivíduo pode se tornar apto a identificar quais as hipóteses ele abraçou, que o impedem de agir diferente; por exemplo: Um executivo acreditava que se seus liderados o vissem lendo o jornal Valor Econômico, poderiam pensar que ele não estava trabalhando. Então ele deixava de se atualizar com informações de grande impacto na estratégia, por medo de ser mal visto.

Ao reconhecer quais os pressupostos que o mantinham repetindo comportamentos que o impedem de avançar, o líder torna-se apto a desafiar estas hipóteses e assim se libertar para agir de forma a obter os resultados que deseja!


Renato Moreira – Coach Executivo – Organizo cursos de Inteligencia Emocional, Liderança e PNL além de atuar como coach com profissionais que desejam atingir um alto nível de excelência no trabalho e na vida pessoal.

About the Author Renato Moreira - Executive Coach

International experience in organisational and leadership development, consultant for business leaders to build and implement a comprehensive global approach to excellence, personal development, moderator for meetings, facilitator, motivational, cultural change management, NLP trainer and Executive Coach; Drive accountability and sustainability of development with a focus on creating a strong development culture.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s